Narcisismo a serviço da humanidade

Por Natalia Vale Asari em 03/12/2010

Não é incomum um amigo prestar homenagem a outro inserindo casualmente em uma letra de música o nome, profissão e CPF do tal amigo. Foi isso que fez Pelle Carlberg em I Touched You At The Sound Check, divertindo-se às custas do Mike Joyce, ex-Smiths:

Só que isso poderia ser levado ao extremo, e as bandas poderiam sempre inserir casualmente seu nome nas suas letras. Não seria útil? Isso teria me poupado horas e horas em que fiquei tentando associar uma música à sua banda criadora. Um que fez isso, cantar seu próprio nome, foi o Jordy:

Espero que você tenha chegado a esse parágrafo incólume, depois das más lembranças do vídeo acima. Afinal, o melhor ficou para o fim. Você já ouviu Cape Cod Kwassa Kwassa, do Vampire Weekend? Olha então esse cover do Peter Gabriel, que teve que cantar o próprio nome, a muito contragosto:

Categoria(s) associada(s): Vídeos



Nenhum comentário.

Não é mais possível adicionar comentários para este post.